Prefeitura União da Vitória | Prefeitura União da Vitória | Page 2

MULTAS

Notificação de Autuação

LICITAÇÃO

Confira as Disponíveis

ISS

Emita sua Guia

IPTU

Retire a sua 2° via

ATOS OFICIAIS

Legislação Municipal

NFE

Nota Fiscal Eletrônica

FERIADOS

Confira as Datas

All posts by Prefeitura União da Vitória

Foto: Divulgação

Os moradores de União da Vitória e Porto União, devem redobrar a atenção a partir desta quarta-feira, 05 de agosto, pois as ruas de acesso para à Ponte Machado da Costa (Ponte Férrea), serão interditadas para mais uma etapa das obras da construção da nova ponte sobre o rio Iguaçu, como também de reurbanização da área central na entrada da ponte.

A Ponte Férrea será liberada para a passagem de ciclistas e pedestres. As ruas que serão interditadas são: Avenida Coronel Amazonas na esquina com a rua Dário Antônio Bordin e rua Marechal Floriano entre o Corpo de Bombeiros até à Ponte Férrea. Já na cidade de Porto União, o trânsito será interditado na rua Visconde de Guarapuava e rua Coronel Amazonas da esquina próximo do Clube Concórdia até à Ponte Férrea.

Devido ao fechamento das ruas os condutores devem utilizar a Ponte Domício Scaramela, para ter acesso ao distrito de São Cristóvão. Outra dica é fazer uso de da rua Braulina Pigatto no bairro Bom Jesus e também a Ponte Interventor Manoel Ribas (Ponte dos Arcos) para não ficar sobre a ponte Domício Scaramela e nem na curva que dá direção ao distrito as margens do rio Iguaçu.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

Teve início nesta terça-feira, 04 de agosto, a instalação das placas do projeto Cicloturismo da Prefeitura de União da Vitória, numa parceria com a Associação de Turismo e Meio Ambiente (Atema) que tem como objetivo fazer com que os ciclistas tenham um trajeto para ser percorrido e conhecer as belezas de União da Vitória.

A primeira placa a ser instalada ocorreu na frente da rodoviária da cidade na divisa com o município de Porto União (SC). Os ciclistas ao fazer o percurso poderão conhecer os pontos turísticos na área central e terminando o trajeto na região do Rio dos Banhados, onde ficam as cachoeiras. Vale destacar que na região do Rio dos Banhados a empresa que venceu o processo licitatório já está fazendo o portal turístico com as devidas sinalizações para o passeio na região das cachoeiras.

O vice-prefeito de União da Vitória Bachir Abbas, falou sobre a importância das placas e lembrou de uma pessoa que sempre foi um idealizador pelo Cicloturismo nas cidades irmãs. “Importante este projeto e da boa parceria que temos junto com a Atema, Território Iguaçu e Associação Comercial em prol do turismo de União da Vitória. Sabemos que depois da pandemia o turismo regional será o forte e nos estamos trabalhando para isso. Quero aqui destacar o serviço do Cicloturismo e tenho que lembrar de uma pessoa que sempre foi um batalhador nesta área que foi o Eliéser Lourenzzetti do Senac de Porto União, que infelizmente nos deixou fazendo o que mais gostava que era o ciclismo, mas o sonho dele está virando realidade com a instalação das placas que vai fomentar o nosso turismo”, destacou Bachir Abbas.

Quem for fazer o trajeto terá a sua disposição uma placa com todas as informações e indicando o local, que o ciclista está. O Circuito Interestadual de Cicloturismo do Vale do Iguaçu, tem aproximadamente 400 km de circuito, sendo a mais longa rota de cicloturismo e a única interestadual do sul do Brasil que passa por seis municípios: Porto Vitória, União da Vitória, Bituruna, General Carneiro cidades estra no Estado do Paraná e Porto União e Irineópolis que fica em Santa Catarina.

Para conhecer mais sobre o Cicloturismo acesse o site: https://www.cicloturismovaledoiguacu.com.br/

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

O prefeito de União da Vitória, Santin Roveda, se reuniu com o vice-prefeito Bachir Abbas, secretário Municipal de Saúde Ary Carneiro Junior e secretário Municipal de Educação Ricardo Brugango, na tarde desta segunda-feira, 03 de agosto e em consenso afirmaram que não voltam as atividades em sala de aula até que exista risco zero.

Um decreto assinado por Santin Roveda confirma que as atividades na área da Educação Municipal continuam suspensas por tempo indeterminado. “Estivemos reunidos com o nosso comitê de enfrentamento ao coronavírus e a prioridade é a vida e saúde das pessoas. E assinamos na Prefeitura o novo decreto que afirma o adiamento da volta às atividades nas escolas do município. Nos só voltaremos com as aulas quando tivermos 100% de garantia à vida para crianças, professores e a todos que estão envolvidos no processo da Educação”, enfatizou o prefeito.

Com a suspensão das atividades dentro de sala de aula, os alunos da Rede Municipal de Ensino, tem a oportunidade de receber todos os dias as atividades de ensino através do Portal EducaUnião como também pela Educativa de União da Vitória no canal 13. Outra atitude é a entrega de material de ensino regularmente. Nesta segunda-feira, 03 de agosto, já ocorreu a entrega de novos materiais para os alunos executarem em casa.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

A Prefeitura de União da Vitória, realizou na sexta-feira, 31 de julho, a troca da Bandeira do Brasil, que fica localizada na entrada da cidade na região da ponte Domício Scaramella.

A troca do Pavilhão Nacional, ocorreu depois que o prefeito de União da Vitória, Santin Roveda, passou pelo local, e constatou que a Bandeira do Brasil, estava bem estragada devido ao tempo. Na sexta-feira, uma equipe com o equipamento de segurança realizou à troca por uma nova Bandeira do Brasil, e simbolizando o amor da população do município a Pátria.

“Em União da Vitória, a gente cuida de todos os detalhes, a gente não quer que o dia a dia seja sem capricho, sem respeito com as pessoas que moram aqui e avaliam a nossa cidade como uma cidade boa para se viver. Eu tenho um grande orgulho de ter nascido em União da Vitória no Hospital Regional e tenho também orgulho de ser paranaense e brasileiro. Dias há traz vi a Bandeira da entrada do município bem danificada e solicitei a troca e colocamos uma nova com as cores mais forte do nosso Brasil”, destacou o prefeito Santin Roveda.

A Bandeira do Brasil, que foi retirada do mastro na entrada da cidade, fica guardada e quando o 5º Batalhão de Engenharia de Combate Blindado da cidade de Porto União (SC), for realizar o ato da incineração das Bandeiras, está também será queimada como determina o protocolo.

 

Bandeira do Brasil:

A Bandeira Nacional do Brasil, instituída em 19 de novembro de 1889, pelo decreto número 4, após a Proclamação da República. Os Estados da Federação são representados por estrelas.

Foi projetada por Raimundo Teixeira Mendes e Miguel Lemos, com desenho de Décio Vilares. Inspirada na antiga Bandeira do Império que foi desenhada pelo pintor francês Jean Baptiste Debret, sendo que a esfera azul-celeste e a divisa com a inscrição “Ordem e Progresso” está no lugar da Coroa Imperial. Dentro da esfera, está representado o céu do Rio de Janeiro, com a constelação do Cruzeiro do Sul, às 8h30 de 15 de novembro de 1889, dia da Proclamação da República. O dia 19 de novembro é comemorado como o Dia da Bandeira.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

Durante o final de semana o Setor de Fiscalização da Prefeitura de União da Vitória, com o apoio da Polícia Militar, realizou mais uma ação do Toque de Recolher e verificação de denúncias repassadas pelo Whats Denúncia. Nesta ação foram aplicadas várias multas para pessoas físicas por estarem sem o uso de máscara, em aglomeração e descumprindo o horário do Toque de Recolher, e notificações para os proprietários de empreendimentos comerciais que descumpriram o Decreto Municipal nº 239/2020.

A saída das equipes ocorreu às 22h no pátio do 27º Batalhão da Polícia Militar com o apoio da equipe da Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), que fez o acompanhamento em toda a ação. Na avenida Bento Munhoz da Rocha Neto, as equipes realizaram a abordagem e tiveram que buscar muitas pessoas que ao ver as viaturas com os fiscais fugiram para o mato para não serem multados por descumprir o decreto, pois estavam sem a máscara e ocorria a aglomeração num pequeno espaço. Quando essas pessoas saíram do mato e do banheiro onde estavam escondidas foram multadas pelos fiscais e também receberam orientação da Polícia Militar. Neste ambiente o Setor de Fiscalização da Prefeitura já fez as devidas orientações em outras oportunidades.

Através de denúncia via WhatsApp, outra abordagem foi feita foi no Morro Cristo, local este que está interditado, com a proibição de circulação e permanência da população para evitar o contágio do novo Coronavírus (Covid-19). Tanto no estacionamento quanto na parte que é possível ver a cidade de União da Vitória e ao fundo Porto União (SC), os policiais da Rotam localizaram várias pessoas que tiveram que descer as escadas, foram orientados e receberam uma multa por não usar máscara e por estar em descumprimento do horário do toque de recolher e em local interditado.

No domingo as equipes se reuniram para mais um Toque de Recolher, mas segundo o Setor de Fiscalização o serviço foi marcado por respeito ao decreto Municipal 239/2020.

Números:

 

2 notificações

8 multas

1 multa reincidente

 

Para Ângela Horbatiuk, responsável pelo Setor de Fiscalização da Prefeitura de União da Vitória, é notável que muitas pessoas não estão entendendo a situação da pandemia em União da Vitória. “Estivemos durante o final de semana junto com a equipe da Rotam da Polícia Militar, realizando mais um Toque de Recolher e novamente pudemos observar que muitas pessoas não estão dando à devida atenção ao momento que vivemos sobre à pandemia do novo Coronavírus. Na região da avenida Bento Munhoz da Rocha Neto, foi um fato vergonhoso ver pessoas de várias idades saindo do meio do mato para não serem vistos pela nossa equipe e constatamos que muitas não estavam usando máscara, estavam ingerindo bebida alcoólica e foram multadas. Outro ponto que recebemos uma denúncia foi no Morro do Cristo, onde no local, tinha mais de 10 veículos e em torno de 25 pessoas que estavam ingerindo bebida alcoólica e algumas não usava máscara, sendo feito a multa e orientado”, destacou Ângela Horbatiuk.