Arquivo da categoria: Desenvolvimento Econômico

Foto: Divulgação

Mais uma importante obra para o desenvolvimento econômico e turístico teve inicio nesta quinta-feira, 10 de dezembro, na cidade de União da Vitória, quando o prefeito Santin Roveda e seu vice Bachir Abbas, assinaram o contrato para a construção do Café Mirante, no Morro do Cristo.

Segundo o Setor de Planejamento da Prefeitura de União da Vitória, o valor total da obra da construção do Café Mirante no Morro do Cristo, será de R$ 387.037.75 sendo que R$ 350.000,00 reais, recurso decorrente do Ministério do Turismo, e uma contra partida da administração municipal no valor de R$ 100.832,20 recursos este dos pagamentos do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU). Para este projeto o valor do capital social mínimo foi de R$ 45.000,00 e o preço máximo de R$ 450.832,20 já inclusos BDI, encargos sociais, taxas, impostos e emolumentos. A licitação para a construção do Café Mirante do Morro do Cristo foi em regime de execução empreitada por preço global. A empresa vencedora tem um prazo de 210 dias para entregar a obra e o serviço será feita pela empresa W.G. Edificações e Construções Ltda.

Para dar inicio as obras do Café Mirante o prefeito e o vice-prefeito, foram no Morro do Cristo, na tarde desta quinta-feira, onde fizeram a assinatura do contrato e puderam acompanhar os primeiros atos da empresa em construir o novo espaço. Santin Roveda, na oportunidade destacou a importância desta obra para o desenvolvimento turístico. “Turismo cada vez mais forte no Vale do Iguaçu, e o Morro do Cristo, que recebe diariamente várias pessoas recebe mais um investimento. Na nossa administração firmamos uma parceria com a empresa Wap que limpou a imagem do Cristo de União da Vitória que nos recebemos totalmente abandonada e sem o devido respeito. Agora iniciamos uma obra panorâmica o Café Mirante e com várias atrações que em breve será entregue para a população e valorizando o nosso turismo e a nossa beleza”, afirmou o prefeito.

Ainda em suas palavras o prefeito de União da Vitória, destacou que além do Café Mirante, a região do Morro do Cristo, vai receber mais investimentos por parte do novo governo do prefeito eleito Bachir Abbas.

Já em sua fala o vice-prefeito, também ressaltou a obra e da satisfação de junto ao prefeito Santin Roveda, fazer a assinatura do contrato para o desenvolvimento da região. “É com muita satisfação que estou junto com o prefeito Santin Roveda, assinando o contrato para as obras iniciarem no dia de hoje, que é uma reivindicação muito antiga e aqui terá um café que será chamado de Café Mirante, e quem vier em breve terá uma vista linda da cidade de União da Vitória, e a imagem do Cristo recebe mais de 40 mil pessoas que visitam este atrativo. Aqui vamos fazer além do Café Mirante também terá uma tirolesa e outras novidades numa parceria com as entidades que atuam no setor do turismo do município e fortalecendo a economia neste setor. É com alegria que estamos assinando este contrato na data de hoje”, enfatizou Bachir Abbas.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

O único Município da região Sul do Paraná na lista para receber a premiação da 8ª edição do Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR) é União da Vitória, que teve o projeto avaliado e aprovado sob a coordenação de Ângela Andrea Horbatiuk, Diretora do Setor de Tributação da Prefeitura, com o título “Educação Fiscal e Tributária: Formando Cidadãos para o Futuro”.

Segundo a Comissão Julgadora do Prêmio Gestor Público Paraná, das 162 iniciativas inscritas, 43 delas foram contempladas em todas as categorias da premiação. São elas: Melhor do Ano, Tema do Ano, Administração Tributária, Tecnologia e Inovação, Troféu PGP-PR, Certificado de Reconhecimento e Menção Honrosa. Dos 68 municípios com projetos homologados, 36 foram premiados, além de um Consórcio de Municípios.

Com o cenário adverso da pandemia do Coronavírus (Covid-19), a premiação passou por adaptações, entre elas as análises de campo, que aconteceram por meio de videoconferência na maioria das avaliações. Após a divulgação dos municípios premiados, o próximo passo é a cerimônia de encerramento, que será nesta quinta-feira, 10 de dezembro. Lembrando que a apreciação dos projetos ocorreu no dia 25 de novembro e em seguida foram divulgados os Municípios vão receber o prêmio.

Até o presente momento os gestores do Municípios premiados sabem que vão receber o Prêmio Gestor Público Paraná, mas não em qual categoria serão premiados. Isso só será conhecido no dia do evento, que em virtude da pandemia do novo Coronavírus será em formato online, bem diferente do ano de 2019, que ocorreu na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep).

Dentro do Projeto de “Educação Fiscal e Tributária: Formado Cidadãos para o Futuro”, além de palestras aos alunos do 5º ano do ensino fundamental da rede pública, foi desenvolvida uma cartilha por Ângela Horbatiuk, cartilha esta que foi entregue a todos os alunos, público alvo do Projeto. Esta cartilha traz informações simples, mas fez toda a diferença para o aprendizado das crianças e pré-adolescentes da Rede Municipal de Ensino, pois demonstra quais os impostos pagos nas esferas Municipal, Estadual e Federal, e como este recurso retorna ao Município para ser aplicado nas ações do dia a dia como na Educação, Saúde e Infraestrutura.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

O turismo e o empreendedorismo da cidade de União da Vitória, ganhou mais uma página e sem dúvida uma história que será de sucesso, no lançamento do Meu Maté, numa parceria entre a empresa Capimar e a Associação dos Artistas Plásticos do Vale do Iguaçu, que realizaram o lançamento da lata Meu Maté com imagem de pontos turísticos de União da Vitória.

O lançamento deste importante produto com base em Erva-Mate ocorreu na noite desta terça-feira, 1º de dezembro, na loja Experiencia com Mate da empresa Capimar na BR 476, e que reuniu amigos e empresários para conhecer este novo produto que chega ao mercado em União da Vitória e em breve vai fazer parte do consumo das famílias em vários encontros.

Durante a sua fala para os convidados a empresária Elizabete Capeleti, lembrou do surgimento da empresa no ano de 1983 com o seu avó e em seguida o seu pai o atual prefeito da cidade de Paula Feitas, Valdemar Capeleti que também fez a empresa ter sucesso no mercado e hoje ela está à frente do empreendimento e fazendo com que a marca Capimar desenvolva novos produtos. “É um produto que ainda não tínhamos no mercado e nos fizemos todo o trabalho de sua criação até a embalagem, e tivemos a parceria com a Associação dos Artistas Plásticos do Vale do Iguaçu, e além de tudo é um produto inovador e prático para o consumidor tomar sozinho. Na embalagem vem cinco unidades que podem serem feitas em até um litro e meio de água e uma bomba e cuia e também temos em cinco sabores. Essa é mais uma novidade e muitas outras que já estamos trabalhando aqui na Capimar como já temos o chocolate de Erva-Mate e sorvete e em breve teremos a linha de sabonetes. Deixo o meu convite para todos que venham conhecer essa novidade o Meu Maté”, destacou a empresária Elizabete Capeletti.

O presidente da Associação dos Artistas Plásticos do Vale do Iguaçu, Israel Checozi, destacou que este trabalho marca mais uma vez a importância da cultura com o turismo e a ideia de pessoas como empresária Elizabete Capeleti, que tem uma visão para o futuro empreendedor. “Estamos lançando hoje o primeiro trabalho de 2020, devido à pandemia do novo Coronavírus e com muita alegria que a Associação dos Artistas Plásticos do Vale do Iguaçu, firmou está parceria com a empresa Capimar e estamos dando a nossa arte na lata deste novo produto conhecido Meu Maté. Neste trabalho, reunimos cinco artistas que retrataram com o seu talento pontos turísticos de União da Vitória, como a ponte Manoel Ribas (ponte dos Arcos), Estação União, a imagem do Sagrado Coração de Jesus, a Igreja Ucraniana como a Catedral Coração de Jesus. Parabenizo os artistas e a empresa Capimar na pessoa da Elizabete Capeleti, que mostra o carinho pela cultura e dando um novo produto para a sociedade experimentar”, afirmou Israel Checozi.

 

Serviço:

 

O Meu Maté, será comercializado diretamente na empresa Capimar, que fica localizada na BR 476, Km 355-5 no bairro Ouro Verde, com atendimento de segunda a sexta das 9h às 19h e no sábado das 9h às 16h. Além deste novo produto o cliente amigo poderá conhecer outros produtos feito pela Capimar.

 

Foto: Divulgação

A Prefeitura de União da Vitória, através da Secretaria Municipal de Indústria Comércio e Turismo, convida os interessados em participar no dia 19 de agosto (quarta-feira), de uma importante reunião com o tema principal a Sensibilização e Mobilização para o Turismo Regional do Território Iguaçu.

A reunião tem como intuito mobilizar os participantes das Lideranças do turismo dos municípios integrantes da Associação dos Municípios do Sul do Paraná (Amsulpar), para a importância do processo de regionalização do turismo. Este trabalho será totalmente online e o moderador será Gabriel Pesce.

Os interessados em participar desta reunião para o futuro do Turismo Regional no Sul do Paraná, deve fazer a sua inscrição totalmente gratuita pelo site: https://docs.google.com/forms/d/1_bAJkR2KIGS3ZQtyjpsGmCa5eCJDNA6R0yDYNakKyM0/viewform?edit_requested=true e ao acessar o endereço eletrônico o interessado deve fazer o preenchimento corretamente dos campos indicados.

 

Agenda:

Evento: Reunião Sensibilização e Mobilização para o Turismo Regional do Território Iguaçu

Data: 19 de agosto de 2020

Horário: 14h às 16h

Local: a reunião será online

Inscrições para participar pelo link: https://docs.google.com/forms/d/1_bAJkR2KIGS3ZQtyjpsGmCa5eCJDNA6R0yDYNakKyM0/viewform?edit_requested=true

Para mais informações no telefone (42) 9 9122 98 78  ou pelo e-mail: sec.turismo@uniaodavitoria.pr.gov.br

Este evento tem o apoio da Associação de Turismo e Meio Ambiente (Atema) Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) Associação dos Municípios do Sul do Paraná (Amsulpar), Território Iguaçu, Paraná Turismo e Governo do Estado do Paraná.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

A Casa do Empreendedor de União da Vitória, registrou por quatro meses em relação com o mesmo período do ano de 2019, a abertura de novas empresas no município, mesmo com à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), isso não intimidou os empresários a investir para a geração de emprego.

Atualmente a sociedade brasileira vem acompanhando através dos veículos de comunicação as dificuldades de muitas empresas para não fecharem as portas, como também para obter crédito para manter em dia as contas em destaque a folha de pagamento. Em União da Vitória, a Casa do Empreendedor constatou que durante à pandemia muitos empresários ajuntaram toda a documentação e foram se formalizar para abrir a sua empresa na cidade. Além de abrir o empreendimento o empresário pensa na geração de emprego e no giro de recurso no comércio. Lembrado que na Casa do Empreendedor o futuro empresário tem a sua disposição uma equipe treinada para ajudar no desenvolvimento de sua empresa tendo o total apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e junto do Fomento Paraná.

O agente Administrativo, responsável pelo setor de Alvarás que atua na Casa do Empreendedor de União da Vitória, Dário Hansch, fala que à pandemia manteve a criação de novas empresas no município. “Então como podemos observar, apesar da pandemia, manteve-se praticamente o mesmo número de empresas abertas no município de União da Vitória, no mesmo período dos anos de 2019 e 2020”, afirmou Dário Hansch.

 

 Dados do mesmo período em 2019 e 2020

 

Empresas abertas em 2019

De 10/03/2019 até 13/07/2019

 

– Micro Empreendedor Individual (MEI) 216

 

– Micro Empresa (ME) 73

 

– Empresas de Pequeno Porte (EPP) 8

 

– Empresas e Inscrições de porte não classificado 29

 

Total 325 novas empresas

Empresas abertas em 2020

De 10/03/2020 até 13/07/2020

 

– Micro Empreendedor Individual (MEI) 243

 

– Micro Empresa (ME) 60

 

– Empresas de Pequeno Porte (EPP) 2

 

– Empresas e Inscrições de porte não classificado 21

 

Total 326 novas empresas

Serviço:

A Casa do Empreendedor de União da Vitória, está localizada na avenida Manoel Ribas, na área central do município, na frente do Clube Apolo, com atendimento de segunda à sexta-feira, das 13h às 17h, ou pelo telefone (42) 3523 14 13.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória

A administração municipal de União da Vitória, não parou as obras e as devidas manutenções na área de turismo do município, devido à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), pois o objetivo do setor é manter tudo organizado para receber os visitantes pós-pandemia.

Uma das obras que teve início no dia 22 de junho, foi a construção da estrutura de sinalização para indicação dos pontos turísticos de União da Vitória, na região do Rio dos Banhados. A empresa que venceu o processo licitatório foi a Construtora Alvir Lopes, e o valor orçado para este serviço é de R$ 95.299,99 numa parceria entre a Prefeitura de União da Vitória e a Caixa Econômica Federal (CEF).

A empresa Alvir Lopes tem um prazo de três meses para fazer a entrega. O prazo teve início no dia 22 de junho e termino para o dia 19 de setembro de 2020.

Hoje quem passa pelo trecho de acesso ao Rio dos Banhados, já pode verificar a estrutura e material para se fazer a obra. O vice-prefeito de União da Vitória, Bachir Abbas, comenta sobre as obras no setor do Turismo. “Sem dúvida um dos setores que sofreu com à pandemia do Coronavírus, foi o turismo. O que vemos que pós-pandemia o investimento será no turismo local e a Atema junto a Prefeitura de União da Vitória, tem trabalhado neste sentido e o portal era uma reivindicação antiga de todas as pessoas que atuam com o turismo. Então União da Vitória, com a ajuda de todos da Atema, Associação Comercial, o serviço para o pós-pandemia está acontecendo para em breve receber os turistas para conhecer as belas da nossa região”, comentou Bachir Abbas.

Foto: Comunicação Prefeitura de União da Vitória
Foto: Comunicação Casa do Empreendedor

Este é o segundo ano consecutivo que a estrutura da Casa do Empreendedor de União da Vitória é reconhecida pela qualidade no atendimento ao público.

A Casa do Empreendedor de União da Vitória recebeu na última sexta-feira 26 de junho, mais um reconhecimento pelo trabalho desenvolvido no município, garantindo o Selo Ouro de Referência em Atendimento 2019, promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/PR). A revelação das salas reconhecidas com o Selo de Referência em Atendimento foi feita durante um evento online organizado e transmitido ao vivo pelo Sebrae.

“Este reconhecimento reafirma o nosso propósito enquanto prestadores de serviço público em nosso município. Demonstra que somos conscientes da necessidade de existir um ambiente que proporcione orientação para uma parcela de munícipes que só aumentam, e não importa se o que motiva uma pessoa a se tornar empreendedora seja a necessidade, o sonho de empreender ou um negócio familiar. A Casa do Empreendedor está aqui para orientar em todos os casos, seja na parte burocrática ou na capacitação empresarial, estamos sempre em busca da melhoria, e este reconhecimento é fruto do esforço de toda a nossa equipe neste último ano”, comenta Jaqueline Tomkio Figueiró, a coordenadora da Casa do Empreendedor.

A proposta do Sebrae/PR com o Selo de Referência em Atendimento é reconhecer a rede de parceiros que realizam o atendimento a empreendedores e empresários na sua cidade, promovendo a viabilidade dos pequenos negócios. Com o Selo, a Casa do Empreendedor de União da Vitória é reconhecida como local de apoio aos microempreendedores individuais, tendo capacidade de atendimento para propor soluções, capacitações, desburocratização, etc.

Foto: Comunicação Casa do Empreendedor

Em decorrência da pandemia do coronavírus, o evento de premiação neste ano foi realizado de forma online. A casa do empreendedor havia recebido anteriormente do Sebrae uma caixa fechada com cadeado contendo o troféu do reconhecimento, mas somente durante o evento foi divulgado o código para abertura do cadeado e revelação de qual a categoria do Selo, divididas em Bronze, Prata e Ouro. As Salas do Empreendedor que obtiveram entre 75 e 80 pontos receberam o Selo Bronze; de 81 a 90, o Prata; e acima de 91, o Selo Ouro.

Classificada na categoria máxima, a Casa do Empreendedor de União da Vitória realizou 9.139 mil atendimentos em 2019, garantindo também alta pontuação nos critérios de qualidade no atendimento, estrutura física, oferta de soluções diversificadas, capacitação do atendente, cadastro de clientes e comunidade digital, entre outros.

 

Casa do Empreendedor União da Vitória

 

Neste momento de pandemia, consideramos o serviço que prestamos de extrema relevância e por isso o atendimento continua sendo realizado pela equipe da Casa do Empreendedor de União da Vitória, em alguns casos sob agendamento prévio. Basta entrar em contato de segunda à sexta, das 13h às 17h, através dos canais: (42) 9 9927 32 91 (somente WhatsApp) ou (42) 3523 14 13

saladoempreendedor1413@gmail.com

 

Além disso, diversos serviços, tutoriais e informações são prestadas no www.portaldoempreendedor.gov.br .

Foto: Comunicação Casa do Empreendedor

No caminho do desenvolvimento, sem deixar de olhar por nossa gente

Prefeitura paga as primeiras desapropriações publicas em prol da ponte José Richa

“Dia de seguir em frente”, foi assim que dona Terezinha Ivone Czarnos intitulou o dia de hoje. Isso porque nessa tarde a prefeitura Municipal de União da Vitória recebeu junto aos moradores, as primeiras escrituras publicas de desapropriação de lote e terreno das 11 propriedades para a construção da ponte José Richa. “De início a ficha não caiu, quando recebemos a carta notificando que teríamos que sair fiquei muito preocupada. Mas com o tempo passando fui vendo que era para melhorar pra todos e comecei aceitar e o valor ficou mais justo. Agora já achei uma nova casa, é perto da minha antiga, preferi ficar no bairro por causa da escola, meu filho não queria perder os amigos”, afirmou Czarnos que mora com seus três filhos e dois netos, ela ainda conta que agora irá morar em uma casa fora do risco de enchente. O senhor Ozório Stocki, aposentado que reside a muitos anos na rua 24 de agosto, também não pretende sair do bairro, começou a procurar uma nova casa, mas ainda não achou, “Já há tempos queria me mudar daquela casa, então isso foi um empurrão. Ainda não achei uma nova porque não quero sair do Sagrada Família por conta da minha saúde. Gosto do posto de saúde que tem ali e da médica que me atende a muitos anos” explica Seu Ozório.

Foram assinadas as escrituras de desapropriação para a prefeitura de duas propriedades, elas fizeram acordo amigável e já receberam o valor acordado. Mais três estão em fase final de entrega de documentos necessários para viabilizar o eventual recebimento amigável, porem algumas ainda estão em processo judicial. Estar em processo judicial não significa que o proprietário não aceitou o acordo, mas sim que existe algum problema com a documentação da propriedade. Conforme sair a regularização desses documentos faltantes, os pagamentos serão feitos imediatamente, pois o valor já está em conta para a quitação dessas casas.

Visita técnica em busca de boas práticas e desenvolvimento

O prefeito de União da Vitória, Santin Roveda, acompanhado do secretário de indústria e comércio Valter Cano e o chefe de gabinete Antonio Nhoato visitou nos dias 19 e 20, o Ecossistema de Inovação de Florianópolis – Um sistema de formação de startups e principal referência na área no País. “Vivemos a tecnologia e a inovação em diversos setores como agronegócio, serviço, indústria, comércio, por isso União da Vitória tem que estar conectada a esse meio para não ficar para trás. É a cidade que projetamos para 2030 e uma cidade cada vez melhor para se viver”, disse Santin Roveda

A visita técnica também foi acompanhada por representantes do Sebrae, Emater, Uniguaçu e do Sistema Regional de Inovação do Território Iguaçu (SRI). Ela busca agregar conhecimento e novas idéias para o projeto União da Vitória 2030. Para Cano, a visita está sendo uma experiência fantástica de conhecimento, “Conhecemos incubadoras como a Celta, ativa desde 1986, e que trabalha com sistemas de inovação, incubação de empresas de aceleração. Um exemplo para que União da Vitória consiga esse patamar em 10 anos”, afirma o secretário.  Ainda em contexto que engloba a trajetória de União da Vitória até 2030, Roveda afirma: “Essa visita vem agregar em técnica e conhecimento para desenvolvermos União da Vitória projetos nesta área muito importante. Existe muito potencial na nossa região que pode ser explorado e nós estamos aprendendo um pouco disso”, completa Santin Roveda.

Startups

Startup é a ação de começar alguma coisa. Normalmente relacionado com companhias e empresas que estão no início de suas atividades e que buscam explorar atividades inovadoras no mercado, empresas novas com boas idéias. Segundo Santin Roveda, a visita em Florianópolis ajudará a buscar empresas com conhecimento em tecnologia e inovação para o Plano de União da Vitória 2030. “Vamos fazer incubação de algumas empresas. Logo teremos o evento Startup Weekend em União da Vitória no dia 27, 28 e 29 de abril”, adiantou. Na agenda de visitas a equipe conheceu a Superintendência de Ciência, Tecnologia e Inovação da prefeitura de Florianópolis, acompanhou a demonstração de programas de apoio a incubação de startups e visitou a Associação Catarinense de Tecnologia, a Incubadora MidiTec, Link Lab e Darwin Starter. Também visitou a Incubadora Celta no Parque Tecnológico Alfa, na Universidade Federal de Santa Catarina e o Instituto Senai de Inovação no Sapiens Parque. “O maior objetivo da visita é o de ter boas práticas. Florianópolis é um dos melhores ecossistemas de inovação do Brasil e buscamos exemplo de ações e políticas públicas direcionadas em prol do desenvolvimento tecnológico”, afirma Elizandro Ferreria gestor de projeto de Inovação, TI e startups do Sebrae.