Portal do Município de União da Vitória – Paraná

Portal do Município de União da Vitória – Paraná

Educação no Trânsito

DE QUEM É A RESPONSABILIDADE DE EDUCAR PARA O TRÂNSITO?

01 – DE QUEM É A RESPONSABILIDADE DE EDUCAR PARA O TRÂNSITO?

O Art. 24 do Código de Trânsito Brasileiro (C.T.B.) determina que compete ao Município a responsabilidade do trânsito no âmbito de sua circunscrição. Dentre as muitas responsabilidades que constam neste artigo, o parágrafo XV cita a de: promover e participar de projetos e programas de educação e segurança de trânsito de acordo com as diretrizes estabelecidas pelo CONTRAN.

02 – CRIAÇÃO DO SETOR RESPONSÁVEL PELA EDUCAÇÃO DE TRÂNSITO NO MUNICÍPIO:

O Município de União da Vitória assumiu a municipalização do trânsito em 2005, destacando-se como um dos Municípios pioneiros a assumir a responsabilidade do trânsito no estado do Paraná.
Neste mesmo ano foi criado o Setor de Educação de Trânsito n Município, denominado
EDUCATRAN, que inicialmente funcionou no prédio da Prefeitura Municipal.
A Administração Municipal tem dado total apoio às atividades desenvolvidas pelo setor
EDUCATRAN desde sua criação até os dias atuais. No ano de 2009 este setor recebeu seu próprio espaço, com sala equipada para palestras que comporta grupos de até 40 pessoas, espaço de escritório onde são criados os Projetos Educativos desenvolvidos no Município e uma pequena copaonde se prepara lanche servido a quem freqüenta as palestras; além de um veículo que facilita o deslocamento aos diversos locais onde são realizadas as palestras.

A sala de Educação de Trânsito está localizada na área central do Município, anexo ao Terminal Rodoviário Deputado Aníbal Khury (2º piso) na Rua Demétrio Sokolowskei s/nº.

Atualmente a equipe do setor de Educação de Trânsito está composta por:
• Diretora de Educação de Trânsito: Rosicler Menegat Martinuv;
• Professora Coordenadora: Serli C. de Vasconcellos Olivetti;
• Secretária: Lisyê Solanho.
Nas várias atividades realizadas nas ruas do município outras equipes colaboraram:

03 – PROJETOS EDUCACIONAIS DESENVOLVIDOS PELO SETOR:
a) EDUCAÇÃO DE TRÂNSITO NAS ESCOLAS:

• Educação de Trânsito para alunos do Ensino Fundamental do Município.

Público Alvo: Alunos de 1º ano a 4ª série do Ensino Fundamental das Escolas Municipais.

Objetivo: Promover entre alunos, professores, pais e comunidade a reflexão sobre a realidade do trânsito em que estamos inseridos enquanto localidade (zona urbana e zona rural), município e país; desenvolvendo conceitos de cidadania, educação e meio ambiente, visando formar um cidadão consciente e de comportamento seguro no trânsito.

Metodologia: Baseada em princípios e técnicas de questionamentos que estimulam a participação dinâmica dos alunos. Trabalhamos a realidade da escola diagnosticando os problemas por eles vividos no trânsito, levando-os a perceber a necessidade de mudança de comportamento para um trânsito seguro; através de palestras realizadas num ambiente interativo, vídeos com situações cotidianas de trânsito, objetivos e de fácil compreensão pelo aluno.

Materiais usados:

Temas da Coleção:
– Travessia de rua;
– Pedestre;
– Brincadeiras de rua;
– Cidadania no trânsito;
– Ciclista;
– Sinalização;
– Cinto de segurança;
– Primeiros Socorros.

• Educação de Jovens e Adultos – EJA

Público Alvo: Alunos do Ensino de Jovens e Adultos (EJA) das Escolas Municipais e Estaduais.

Objetivo: Promover entre alunos e professores uma reflexão geral sobre o trânsito de nosso país a partir de notícias divulgadas diariamente nos principais meios de comunicação de nosso país; passando deste contexto para a realidade do município, identificando as principais situações geradoras de conflitos e acidentes em nosso cotidiano e o que podemos fazer para contribuir de forma positiva. Despertar para consciência de responsabilidade no trânsito, desenvolvendo conceitos de cidadania, educação e meio ambiente, visando contribuir na formação do cidadão e
da segurança no trânsito.

Metodologia: Baseada em princípios e técnicas de questionamentos que estimulam a participação dinâmica dos alunos, trabalhamos a realidade do trânsito em que estamos inseridos levando-os a perceber a necessidade de mudança de comportamento para um trânsito seguro; através de palestras realizadas num ambiente interativo, vídeos com situações cotidianas do trânsito de nossomunicípio, reais, objetivos e questionadores.

Materiais usados: data show, tela de projeção, notebook, caixa amplificadora de som, microfone, vídeos da Tecnodata.

b) TEATRO DE FANTOCHES

Público Alvo: Crianças de 03 a 14 anos das escolas e comunidade em geral.

Objetivo: Levar a educação de trânsito para a vida das crianças de forma lúdica e divertida, aprendendo o que é o comportamento seguro e preventivo no trânsito de forma criativa e sem imposições.
Metodologia: Através do lúdico leva a criança a se identificar com os personagens do teatro de fantoches como também das situações do cotidiano por eles vividos, destacando o comportamento correto, seguro e preventivo no trânsito.
Materiais utilizados: Barraca, banquetas, fantoches de pano, caixa de som, microfone e música do trânsito de União da Vitória.

c) EDUCAÇÃO DE TRÂNSITO PARA CICLISTAS REALIZADO EM PARCERIA COM A POLÍCIA MILITAR:

Justificativa: Há no município de União da Vitória um grande número de bicicletas e ciclistas devido ser um transporte mais barato e prático, utilizado pela maioria dos nossos estudantes e trabalhadores. Também a topografia colabora para seu uso.

O Projeto desenvolve-se em dois momentos:

NAS RUAS: com blitz educativa, abordagem de ciclistas, distribuição de folhetos educativos.

Público Alvo: população usuária de bicicleta (crianças e adultos).

NAS EMPRESAS: Palestras educativas aos trabalhadores que usam bicicleta como meio de transporte, conscientizando sobre a importância da adoção de comportamentos e atitudes seguras no trânsito, bem como adquirindo conhecimento sobre seus direitos e deveres.

Público Alvo: colaboradores de empresas.
d) MATURIDADE NO TRÂNSITO: (Projeto lançado no mês de março de 2010)

Público Alvo: Homens e mulheres acima de 60 anos de idade.

Justificativa: Muitos idosos ainda sofrem com o preconceito, a imagem cultural negativa que a sociedade tem da velhice, o descaso dentro do ônibus, em ruas, avenidas e calçadas. Faz-se necessário conscientizar o idoso de seus direitos e deveres perante a sociedade pela qual já contribuiu com muitos anos de sua existência e trabalho. É de suma importância uma mudança de paradigma e de tomada de atitude por parte da sociedade para que respeite esse segmento populacional.

Objetivo: Levar o idoso a reflexões sobre comportamento seguro no trânsito, levando-os a reconhecer suas limitações naturais devido à idade, analisar seu comportamento cotidiano a fim de evitar acidentes e reconhecer seus direitos e deveres enquanto cidadão.

Metodologia: Encontros com palestras e vídeos interativos, abordando o assunto trânsito na 3ª idade, num ambiente descontraído e a partir dos relatos vivenciais do idoso em seu cotidiano e na sociedade seguido de confraternização.

Assuntos abordados:
– Regulamentação do Estatuto do Idoso através da Lei nº 10741 de 01 de outubro de 2003 regulamentada pelo decreto nº 5130 de 07 de julho de 2004, enfatizando seus direitos quanto ao transporte.
– Gratuidade no Transporte Coletivo Público para pessoas acima de 65 anos de idade (Art. 39) – reserva de 10% nos acentos com identificação.
– Gratuidade no Transporte Coletivo Interestadual e legislação de acordo com Art. 40.
– Prioridade do idoso no embarque no sistema de transporte coletivo (Art. 42).
– Vagas exclusivas em estacionamento regulamentado (Art. 41).
– Acessibilidade para idosos no trânsito preparando as cidades para o perfil da população que
envelhece.

PROJETO SOCIAL PREFEITO COM O POVO:

a) JOGO EDUCATIVO SOBRE PISTA: Sou motorista e Sou pedestre.

Público Alvo: Crianças de 07 a 14 anos.

Objetivo: o jogo é utilizado como subsídio de abordagem à criança desta faixa etária, visando desenvolver atitudes de responsabilidade comportamental, conhecimento de placas e sinais de trânsito, auto-preservação e cidadania através do lúdico.

Materiais utilizados: duas pistas de jogo pintadas sobre tecido, dois dados grandes de espuma, dois carrinhos confeccionados em EVA e TNT, bonecos confeccionados com material reciclável que
representam o pedestre sobre a pista do jogo.

b) SEMANA NACIONAL DE TRÂNSITO

Objetivo: Realizada anualmente no mês de setembro ou outubro um chamativo da sociedade para a realidade do trânsito e seus conflitos geralmente causados por fatores como cansaço, stress, falta de tempo, pressa e outros “males contemporâneos” que atingem a sociedade atual se refletindo diretamente no comportamento das pessoas através da imprudência, violência, acidentes e mortes no trânsito.

Metodologia: através de parcerias pré-estabelecidas com os diversos segmentos da sociedade, desenvolvem-se atividades educativas abertas à comunidade e direcionadas a um público alvo específico (cada ano uma faixa etária) e de acordo com o tema proposto anualmente pelo CONTRAN.

2005 – Tema: Paz no Trânsito

– Concurso “Frase Educativa para o trânsito”
– Palestras
– Teatro
– Adesivagem
– Frases vencedoras

2006 – Tema: “Você e a moto: uma união feliz”.

– Palestras
– Concurso para estudantes: redação com o título acima
– Pintura, desenhos, poesias, histórias em quadrinhos, paródias.
– Motoata (desfile de motos pela cidade) com participação das empresas revendedoras de motos
– Depoimentos das pessoas lesadas por acidentes

2007 – Tema: “Jovem, paz e amor no trânsito”

– Caminhada jovem com músicas que falavam de despedidas, sensibilizando as pessoas.
– Criação de cenário chocante em relação ao trânsito, com caixão, fotos de vítimas de acidentes, depoimentos de parentes de vítimas de jovens, faixas.
– Palestras abordando temas relacionados aos jovens no trânsito.

2008 – Tema: “Criança no trânsito”

– Carreata de abertura da Semana finalizando na Praça Alvir Riesemberg.
– “Rua de Lazer” na mesma praça com jogos infantis, pinturas de rosto, apresentação de grupos de dança, exposição de animais treinados da Polícia Militar e stands sobre primeiros socorros dos Bombeiros.
– “Estúdio” para fotos da criança na moto da polícia para tirar fotos, houve ainda distribuição de doces e folders de trânsito para as crianças e adultos.
– PROERD

2009 – Tema: “Educação no Trânsito” realizada em parceria com a Prefeitura Municipal de Porto
União – SC

– Realização do Concurso para a escolha do Mascote de Educação de Trânsito
– Fotos do Mascote
– Fotos Cartazes e cédulas para votação
– Nomes ganhadores, premiação
– Votação realizada nas escolas, empresas, comércio, rádios, jornais, etc.
– Criação da Música do Trânsito: “União a favor do trânsito”.
– Exposição de materiais educativos e outros standers na Praça Alvir Riesemberg
– Faixas
– Spot em rádios referente à semana
– Standers e materiais divulgados:
a) Policia Militar (bafômetro, quadros educativos)
b) Bombeiros: fotos acidentes
c) Unimed: cedeu barracas para o evento
d) Auto-escolas: uso cadeirinha para crianças
e) Bicicletaria Joara: exposição de bicicletas e equipamentos de segurança obrigatórios
f) Arauto Motos: Exposição de motos
g) Uniguaçu: Avaliação Física
– Doação de banners: Lions Club e Rottary Club de União da Vitória
– Participação no Curso de Capacitação para Professores Multiplicadores de Educação para o
Trânsito.
– O encerramento das atividades realizadas na Semana Municipal de Trânsito em parceria pelas
prefeituras dos dois municípios foi na Praça Nereu Ramos em Porto União – SC com atividades
direcionadas neste dia ao público infantil.

Recursos utilizados:
– mini-faixa de pedestre pintada em TNT
– celular grande de isopor
– Personagem “sombra”
– Mascote “Edu Kadinho”
– folders educativos
– adesivos
– monitores de trânsito
– jalecos de educação de trânsito
– parcerias com: Polícia Militar, Secretaria Municipal de Educação, Prefeitura Municipal de União da
Vitória.

2010 – Tema: “Cinto de Segurança e Cadeirinha” realizada em parceria com a Prefeitura Municipal
de Porto União – SC

– Abertura oficial no Auditório da Fundação Municipal de Cultura de União da Vitória – PR com presença de autoridades, alunos de colégios e faculdades, diretores, supervisores, secretários e comunidade em geral.
– Exposição de carros pela Concessionária Divosul e dispositivos de segurança da Loja Romera, para crianças na Praça Alvir Riesemberg e Hercílio Luz com orientações educativas realizadas pela Polícia Militar de União da Vitória e Porto União;
– Simulação de acidente realizada na Rua Sete de Setembro, divisa entre os dois municípios em parceria com a Polícia Militar do Paraná e Santa Catarina e Corpo de Bombeiros.
– Blitz educativa com entrega de materiais cedidos pelo DETRAN – PR e mudas de plantas nativas, no centro do município de União da Vitória – PR em parceria com alunas do Curso de Magistério do Colégio Estadual Túlio de França e Polícia Militar do Paraná.

c) EDUCAÇÃO DE TRÂNSITO NAS RUAS DO MUNICÍPIO:

Público Alvo: Pedestres e condutores de veículos (ciclista, motociclista e motorista)

Objetivo: Chamar a atenção dos transeuntes para a necessidade e importância de um
comportamento seguro no transito a partir de nossas atitudes no decorrer do dia-a-dia.

Metodologia: Abordagens criativas, divertidas e informativas aos transeuntes com distribuição de folders educativos, colagem de adesivos nos carros com orientações corretas e seguras no trânsito.

Fonte: Assessoria de Imprensa

DE QUEM É A RESPONSABILIDADE DE EDUCAR PARA O TRÂNSITO? – Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização.

Topo