Arquivo da tag: Resgate

Uma equipe da Defesa Animal da Prefeitura de União da Vitória realizou na manhã desta segunda-feira, 14 de dezembro, a apreensão de um cavalo, na BR 476, após a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, receber várias ligações sobre o perigo de um acidente na rodovia.

Com essa informação o secretario Municipal de Meio Ambiente, Cesar Strapassola, esteve com a equipe no local, e com êxito retiraram o animal que poderia ser atropelado na BR 476, além de poder causar um sério acidente. Segundo o secretário, após a compra da carretinha para o recolhimento de cavalos em União da Vitória, a Secretaria de Meio Ambiente já recebeu várias ligações de denúncias de abandono ou soltura de cavalos em via pública. O animal, após ser recolhido, foi levado para um local adequado e receberá toda a atenção da equipe de veterinários da Defesa Animal e o proprietário, ao desejar resgatá-lo, terá o prazo de cinco dias para fazê-lo, como também fazer o pagamento da multa de R$ 100,00 e se comprometer em assegurar o bem estar do animal e manter o mesmo em segurança. Vale destacar que já está na Câmara de Vereadores, um novo projeto de lei, para que a multa será de R$ 300,00 mais os valores de transporte do animal e o serviço da equipe de veterinários. Se o animal, não for retirado em cinco dias será doado e o novo proprietário deve seguir todas as orientações por parte da Defesa Animal em prol de garantir o bem estar do animal.

 

Disque Defesa Animal:

 

A população ao ver um cavalo solto em via pública na área central ou bairros de União da Vitória, pode ligar para os seguintes telefones: Ouvidoria da Prefeitura de União da Vitória, (42) 3521 12 12 ou na Secretaria Municipal de Meio Ambiente (42) 3522 32 66. Enfatizando que se o animal estiver numa BR como foi o caso desta segunda-feira, além de acionar a Defesa Animal, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) ou o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), devem ser comunicados, pois a situação ocorre num trecho Federal. Já se o animal estiver na rodovia de responsabilidade do Governo do Paraná, o solicitante deve acionar também a Polícia Rodoviária Estadual do Paraná (PRE-PR) ou o Departamento de Estradas e Rodagem (DER).